Publicidade

A Argentina jogou o suficiente para derrotar a Bolívia na noite desta quinta-feira. As duas equipes duelaram no Estádio Monumental de Núñez, em Buenos Aires, pela oitava rodada das Eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2022, que vai ser disputada no Catar. Os argentinos venceram por 3 a 0.

Lionel Messi segue fazendo história. Ele marcou três vezes e chegou a 79 tentos com a camisa da seleção argentina. Assim superou o número de Pelé pela Seleção Brasileira. Além disso ele passa a ocupar o quinto lugar na lista de maiores artilheiros em seleções, dividindo o posto com Chitalu, de Zâmbia. Cristiano Ronaldo lidera com 111 gols por Portugal.

Messi comemora o gol que abriu o placar (Foto: AFA)

E foi Messi que fez a Argentina abrir o placar aos 13 minutos. Ele recebeu na entrada da área, deu um drible por debaixo das pernas de Jusino e mandou a bola no ângulo de Lampe. Um golaço com a assinatura do craque.

Publicidade

MAIS! Copa do Mundo de dois em dois anos vai dar polêmica

O craque, agora do PSG, ampliou aos 18 minutos do segundo tempo. Messi tabelou com Lautaro Martínez e teve que chutar duas vezes antes de balançar as redes.

Argentina se aproxima da Copa do Mundo

Di Maria ajudou a Argentina a vencer (Foto: AFA)

O brilho poderia ser ainda maior porque Messi marcou o terceiro aos 27 minutos. Mas o gol foi bem anulado por conta de um impedimento na jogada.

Publicidade

Quem disse que Messi desisitiu. Nos acréscimos ele aproveitou rebote do goleiro para empurrar para o fundo da rede.

Com o resultado a Argentina se consolidou ainda mais na segunda posição das Eliminatórias com 18 pontos conquistados. Dificilmente os argentinos perderão a vaga. Mais difícil que isso é a Bolívia, estacionada na penúltima posição com seis pontos, disputar o Mundial.

Relacionadas

Theo Hernández Milan
Timo Werner

As Eliminatórias prosseguem em outubro e a Argentina tem um difícil compromisso fora de casa. Visita o Paraguai em Assunção. Já os bolivianos vão duelar com o Equador em Quito.

Comentários