Publicidade

Matías Morla, agente e advogado de Maradona, denunciou falha na assistência médica ao ex-jogador. Maradona morreu nesta quarta-feira (25), em sua casa, de parada cardíaca.

Maradona, Napoli, Champions League De acordo com advogado, houve negligência atendimento a Maradona – Foto; Napoli / Divulgação

Conforme o advogado, o problema começou logo no início da ocorrência.

“É inexplicável que durante 12h Maradona não tenha tido a atenção e controle da parte do pessoal médico. A ambulância demorou mais de meia hora para chegar. Isso chega a ser um crime”, escreveu Matías Morla. A postagem foi feita num comunicado em seu perfil no Twitter.

Publicidade

Morla garantiu que vai pedir investigação últimas consequências. De acordo com o advogado, como representante de Maradona, ele tem poder para isso.

“Conforme me dizia Diego: és o meu soldado, atua sem piedade”, finalizou.

Maradona vinha lutando contra uma série de complicações de saúde. Recentemente, passou por uma cirurgia no cérebro. No entanto, o motivo do óbito, em princípio, não tema ver com o procedimento. Maradona sofreu uma parada cardiorrespiratória em casa, na cidade de Tigre, e acabou não resistindo.

Leia também

Publicidade

VÍDEOS: top 10 momentos marcantes na vida de Maradona

Guardiola faz homenagem a Maradona: “Fez o futebol melhor”