Publicidade

O Vasco virou para cima do Flamengo e se aproximou de um título inédito na base: o do Brasileirão Sub-17. Nesta quinta-feira, o Gigante da Colina fez 3 a 1 no rival no primeiro jogo da final do torneio. Agora, o Vasco pode perder por até um gol de diferença. A partida de volta será nesta segunda-feira, às 20h (de Brasília), no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda.

Para impedir a festa do rival, o Flamengo precisa vencer por dois gols de diferença para levar a decisão para os pênaltis ou por três para garantir logo o título. O Rubro-Negro já conquistou o torneio, em 2019.

Andrey Vasco Flamengo Sub-17 Andrey iniciou reação do Gigante da Colina | Foto: Matheus Lima / Vasco / Divulgação

No primeiro jogo da final, o Flamengo saiu na frente. Um dos principais nomes do time e com apenas 15 anos, Matheus Gonçalves fez fila e chutou da entrada da área: um belo gol, aos nove minutos.

Relacionadas

Publicidade

O Vasco não sentiu o gol. O Gigante da Colina logo reassumiu o controle do jogo. O goleiro Dyogo precisou aparecer para salvar o Flamengo. Entretanto, ele falhou ainda no primeiro tempo. Aos 33 minutos, Dyogo saiu mal após cobrança de escanteio. GB acertou a trave. Andrey ficou com a sobra e, de calcanhar, deixou tudo igual.

LEIA MAIS! De olho no G-4, Vasco tem retrospecto favorável contra o Remo

A virada quase aconteceu dois minutos depois, mas GB parou em Dyogo. Já Erick Marcus acertou a trave do Flamengo. Apesar da superioridade, o Vasco foi para o intervalo com empate no placar.

Vasco abre vantagem sobre o Flamengo no Brasileirão Sub-17

Publicidade

O Gigante da Colina não demorou a virar no segundo tempo. Aos quatro minutos, Erick Marcus surpreendeu Dyogo em cobrança de falta e fez um belo gol: 2 a 1. O Flamengo precisou buscar mais o ataque. Petterson obrigou Allan a evitar o empate.

MAIS! Gabigol se torna o sexto maior artilheiro brasileiro da Libertadores

O jogo ficou aberto. GB surgiu na área e por pouco não fez o terceiro. Dyogo salvou. Matheus Gonçalves teve tudo para empatar. Ele recebeu de Matheusão, conseguiu limpar a marcação e ficou cara a cara com Allan. O goleiro do Vasco brilhou e defendeu a finalização.

Publicidade

Um minuto depois, o Vasco ampliou. O Gigante da Colina recuperou a bola e acelerou. Ykaro recebeu na direita e fez 3 a 1, aos 16 minutos. O Flamengo até que tentou diminuir, mas o rival garantiu o resultado e abriu vantagem na final.

Comentários