Flamengo, Futebol Brasileiro

Presidente do Flamengo: “Quem esperava transmissão gratuita estava enganado”

Rodolfo Landim (Divulgação)

A decisão da diretoria rubro-negra de cobrar R$ 10 para ter acesso à transmissão de Flamengo x Volta Redonda, neste domingo, ganhou novo capítulo. Em entrevista ao canal Paparazzo Rubro-Negro, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landin, afirmou que “a percepção de que os jogos seriam transmitidos de graça é errada”.

Embora parte da torcida tenha reagido, Rodolfo Landim reafirmou a cobrança (Divulgação)

“O fato de termos transmitido o primeiro jogo sem cobrança pode ter passado a percepção errada. Pode ter dado a impressão de que a partir daí o Flamengo iria passar todos os seus jogos sem cobrar absolutamente nada, sem buscar algum tipo de remuneração por isso. Essa é uma percepção totalmente errada por parte de quem a teve”, disse o presidente.

Polêmica

Após transmitir a partida contra o Boavista, o Flamengo anunciou que a transmissão do jogo contra o Volta Redonda, neste domingo, teria cobrança de R$ 10. A decisão da diretoria causou polêmica e até revolta por parte da torcida, que pichou os muros da Gávea.

Por outro lado, nessa mesma partida contra o Boavista, o Flamengo chegou a 14 milhões de visualizações, com picos de mais de 2 milhões. Após a transmissão da partida, a TV Globo anunciou a rescisão do contrato com os demais clubes e a Ferj. No entanto, após decisão judicial, a emissora resolveu pela transmissão da outra semifinal, entre Fluminense e Botafogo, no Volta Redonda.

O Flamengo pode ser campeão carioca caso conquiste a Taça Rio. Após vencer a Taça Guanabara, os rubro-negros terminaram com a liderança geral da competição.

Leia também:

Flamengo cobra por transmissão e revolta a torcida

Rafinha evita fala sobre redução salarial no Flamengo

Landim garante compromisso do Flamengo com o Carioca

 

Você Também pode gostar