Publicidade

Halloween no futebol? Clubes sofreram com fantasmas (Divulgação) Halloween no futebol? Clubes sofreram com fantasmas (Divulgação)

O 31 de outubro é o dia das bruxas. Mas tem Halloween no futebol? Sim, os principais clubes do Brasil sofreram com algum fantasma em 2017 e o MQJ decidiu relembrar para você alguns deles. O Corinthians, por exemplo, está vivendo aquela fase em que não está conseguindo entregar os doces e sofrendo com as travessuras do sistema de pontos corridos. E o São Paulo, bom, este parece ter conseguido espantar quem mais lhe assustava.

No Rio de Janeiro o Fluminense é que começa a se preocupar com uma assombração que não pode ser chamada de desconhecida. Vamos recordar quem te assustou em 2017:

Publicidade

Corinthians sofre com previsão de Renato

As palavras de Renato Gaúcho ecoam como profecia para os corintianos (Divulgação) As palavras de Renato Gaúcho ecoam como profecia para os corintianos (Divulgação)

O técnico Renato Gaúcho pode ser aquele personagem de terror que não sai da cabeça dos corintianos. Afinal de contas, ele previu que o Timão iria “despencar” no Brasileirão. A previsão tem surtido efeito e isso não tem sido nada agrádavel pelos lados do Parque São Jorge.

O Grêmio, interessado sob o olhar de Renato Gaúcho, não soube aproveitar. Mas tem outros interessados que ameaçam o Timão.

Publicidade

Barcelona assustou a outros paulistas

Barcelona assustou Santos e Palmeiras (Acervo Santos) Barcelona assustou Santos e Palmeiras na Libertadores (Acervo Santos)

Perseguidores do Corinthians na luta pelo título do Campeonato Brasileiro, Santos e Palmeiras têm o mesmo fantasma em comum. Trata-se do Barcelona de Guayaquil. O clube equatoriano foi responsável por eliminar os dois times da Copa Libertadores.

Nas oitavas de final o Palmeiras foi a vítima do Barcelona, que conquistou a vaga ganhando a disputa de pênaltis dentro do Allianz Parque.

Publicidade

Já nas quartas de final o Santos foi derrotado por 1 a 0 na Vila Belmiro e a partir daí viu as coisas desandarem na Vila Belmiro.

São Paulo vem conseguindo afastar-se do seu fantasma. Já o Fluminense…

O Fantasma Hernanes vem salvando o povo do Morumbi (Divulgação) O Fantasma Hernanes vem salvando o povo do Morumbi (Divulgação)

O São Paulo viveu a maior parte do Campeonato Brasileiro aterrorizado pelo fantasma da Série B, algo que seria inédito para o clube. Porém, nas últimas rodadas, um Profeta resolver salvar seu povo do Morumbi. Hernandes vem conseguindo desequilibrar e o Tricolor já abriu uma importante vantagem da zona da degola.

Publicidade

O tal fantasma da Série B, porém, reecontrou o Fluminense. O time das Laranjeiras sofreu nas mãos dele na década de 90 e também viveu momentos de terror em 2013. A turma de Abel Braga vai precisar de muita força para exorcizá-lo, como já foi feito com outra assombração: a LDU, eliminada pelo time na Copa Sul-Americana.

Esse tal fantasma do rebaixamento, tão presente na vida do Vasco nos anos anteriores, também tentou rondar São Januário, mas foi devidamente expulso.

Flamengo tem fantasma argentino

O fantasma do Flamengo é argentino (Reporudção) O fantasma do Flamengo é argentino (Reporudção)

Publicidade

O fantasma do Flamengo em 2017 tem nome e nacionalidade. Trata-se do argentino Belluschi. O joagdor entrou negativamente para a história rubro-negra ao marcar nos acréscimos do segundo tempo o gol que decretou a vitória por 2 a 1 do San Lorenzo sobre os cariocas na Copa Libertadores.

O gol do argentino eliminou o Flamengo da competição sul-americana ainda na fase de grupos, jogando o Rubro-Negro em uma crise, que o time ainda luta para se recuperar totalmente.

Fantasma alvinegro faz mal aos ossos

Montillo não resistiu ao fantasma das lesões (Divulgação) Montillo não resistiu ao fantasma das lesões (Divulgação)

Publicidade

Se vem conseguindo ter um ano satisfatório, o Botafogo sofreu com um fantasma ao longo de todo ano. Trata-se do fantasma das lesões. Peças como Luis Ricardo, Joel Carli, Rodrigo Pimpão, dentre outros, passaram algum tempo do ano no departamento médico. Outros como Airton e Leandrinho estão até hoje. As doenças também atrapalharam o clube, afastando o atacante Roger, que se mostrou guerreiro na luta contra um tumor. Mas a assombração fez baixas, como o argentino Montillo, que se aposentou devido ao excesso de lesões.

E você, acredita em halloween no futebol?

Leia também:
Oito coisas que  nos tiram do sério no futebol
Expulsões, polêmicas e confusões: bolas fora de Neymar na carreira
Por que o mundo precisa se render a Lionel Messi
Ronaldinho Gaúcho vira nome de vinho
Era Tite na Seleção Brasileira: 60 jogadores já foram chamados; Veja a lista
Flamengo passa Corinthians nas redes sociais