Publicidade

É unanimidade na diretoria do Fluminense que Roger Machado perdeu o comando do elenco. O MAIS QUE UM JOGO apurou que existe vários jogadores insatisfeitos com o modo de trabalho do treinador e com a postura do time em alguns jogos.

A principal reclamação é em relação ao estilo de jogo da equipe em grandes jogos. Normalmente o Tricolor não opta por propor o jogo em partidas contra grandes adversários. Isso ficou evidente em algumas situações, como na perda do título carioca para o Flamengo.

Roger Machado Fluminense Roger Machado está na corda bamba no Fluminense (Foto: Lucas Merçon / Fluminense)

Existe o sentimento entre alguns jogadores que Roger Machado estaria apequenando um elenco qualificado e que conta com peças de reposição.

Publicidade

MAIS! Fluminense tenta arrumar a casa antes da decisão

Outra crítica interna se refere à forma como o treinador lida com alguns jogadores. Principalmente queimando atletas que não estão bem em substituições. Alguns nomes do plantel já mostraram muita insatisfação quando foram substituídos.

Vestiário tem clima ruim. Mas Roger explica

No vestiário o clima é ruim. Mas perguntado sobre o assunto após a derrota de 4 a 2 para o Inter, Roger culpou a insatisfação pela derrota.

Publicidade

– A frustração e o desânimo no vestiário demonstram a insatisfação que um resultado assim reflete – disse ele.

A diretoria evita se posicionar sobre o assunto, mas sabe que o elenco hoje renderia melhor se Marcão fosse efetivado no posto. Mas o presidente Mário Bittencourt é contra mudanças na comissão técnica. Além disso os dirigentes não querem correr o risco em uma semana importante de duelo de volta pelas quartas de final da Copa Libertadores.

Relacionadas

Roger Machado Fluminense

Apesar disso é consenso internamente que se o Fluminense for eliminado na quinta-feira a tendência é que Roger Machado não fique no clube. O Tricolor visita o Barcelona na quinta-feira, no Equador, e precisar vencer depois do empate por 2 a 2 no Rio de Janeiro. Igualdade só serve ao Fluminense a partir de 3 a 3.

Comentários