Publicidade

Luiz Henrique viveu mais uma tarde especial com a camisa do Fluminense. O atacante, de 20 anos, voltou de lesão neste domingo e ajudou o Tricolor Carioca a vencer o América-MG, no Maracanã. Luiz Henrique abriu o placar.

O atacante não jogava desde o dia 9 de novembro, quando deixou a partida contra o Grêmio, em Porto Alegre, ainda no primeiro tempo, lesionado. Luiz Henrique analisou o retorno aos gramados.

Luiz Henrique Fluminense Luiz Henrique é nome importante do time tricolor | Foto: Lucas Merçon / Fluminense / Divulgação

– Eu me senti muito bem, ainda mais depois de voltar de uma lesão, que eu tive contra o Grêmio lá no Sul. Até me emocionei quando fiz o gol. Ouvir a torcida gritando meu nome é uma honra, desde pequeno eu sempre quis isso para mim. Graças a Deus eu pude fazer o gol e ter meu nome cantado pela torcida – declarou Luiz Henrique, ao site oficial do Fluminense.

Relacionadas

Marcão Fluminense

Luiz Henrique é arma do Fluminense no Brasileiro

Publicidade

A lesão na coxa esquerda fez Luiz Henrique perder dois jogos e sentir o nervosismo de acompanhar e torcer para o Fluminense fora dos gramados.

MAIS! Fluminense não vai exercer direito de compra de Bobadilla

– Eu pensei até que ficaria mais tempo fora. Mas graças ao pessoal da fisioterapia, que fez um trabalho muito firme comigo, pude voltar antes. Foram dois jogos fora, em que eu fiquei muito nervoso. Quando vim ao Maracanã (assistir ao jogo contra o Palmeiras) fiquei nervoso, mas voltei agora me sentindo confiante e graças a Deus esse gol me ajudou bastante – acrescentou Luiz Henrique.

Publicidade

O atacante encerrou um jejum de nove jogos sem balançar a rede. Recuperado e com a confiança em dia, Luiz Henrique é uma das armas do Flu nesta reta final de Brasileiro.

O Fluminense está na sétima colocação, com 48 pontos. Nesta quarta-feira, o Tricolor Carioca recebe o Internacional, às 21h30 (horário de Brasília), pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Comentários