Publicidade

A derrota por 2 a 1 para o Junior complicou a vida do Fluminense na Copa Libertadores. Apesar de liderar o Grupo D com oito pontos, o Tricolor vai ter que definir a vaga nas oitavas de final na última rodada, quando visita o River Plate na Argentina. O meia Nenê analisou o confronto após a partida.

O jogador, que entrou no segundo tempo na vaga de Juan Cazares, viu as falhas defensivas do Tricolor comprometerem o desempenho do time. O Junior abriu 2 a 0 com facilidade e poderia ter ampliado com os descuidos do Tricolor.

Nenê viu Fluminense abusar dos erros. Mas confia na vaga (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

O jogador entende que esses erros devem servir de lição.

Publicidade

– O resultado serve de aprendizado. Não podemos bobear em nenhum momento na Libertadores, pois é um torneio diferenciado. A intensidade tem que ser o jogo todo e demoramos para acordar – disse Nenê.

MAIS! Emerson Sheik nu na Paulista bomba na web

O jogador, entretanto, não joga a toalha.

Publicidade

– Tentamos reagir hoje ainda, mas não foi possível mesmo melhorando no segundo tempo. Pagamos um preço caro por isso. Mas temos condições de buscar a vaga na Argentina – disse ele.

Relacionadas

Fred Fla-Flu

Agora o Fluminense volta as suas baterias para a decisão do Campeonato Carioca. O Tricolor encara o Flamengo no próximo sábado, às 21h(de Brasília), no Maracanã. Pela Copa Libertadores as duas equipes voltam a campo na terça-feira às 19h15(de Brasília). O Tricolor visita o River Plate na Argentina. Já o Junior faz duelo colombiano com o Santa Fe.

Comentários