Publicidade

O Fluminense não conseguiu aproveitar vantagem numérica. Mesmo com um jogador a mais desde os 28 minutos do primeiro tempo, o Tricolor Carioca não evitou derrota para o Ceará, neste domingo, no Castelão, pela 29ª rodada do Brasileirão. O técnico Marcão reconheceu que o Fluminense deixou a desejar ofensivamente.

– Fomos pouco efetivos. É trabalhar para ajustar. Esse é o caminho: trabalhar muito para ajustar, que no outro fim de semana já tem jogo importante, dentro da nossa casa. E é o momento da gente pedir o apoio do nosso torcedor, para eles jogarem junto com a gente – declarou Marcão.

Marcão Ceará x Fluminense Marcão reconhece: faltou poder de fogo | Foto: Mailson Santana / Fluminense / Divulgação

O Ceará abriu o placar logo aos seis minutos, em pênalti cobrado por Vina. O Fluminense já encontrava dificuldade para criar, quando Gabriel Dias foi expulso. Apesar de mais posse de bola, o clube carioca decepcionou.

Relacionadas

Caio Paulista Ceará x Fluminense
Fred Fluminense

Publicidade

– A gente teve poucas chances de gol, mesmo depois (da expulsão do jogador do Ceará). A gente tentou tudo, tirou o André, colocou um meia (Gustavo Apis), colocou o Arias para correr atrás da segunda linha deles… Mas a gente criou pouco, teve uma chance com o Fred, com o Gustavo, com o Lucca no fim (gol anulado)… A gente queria fazer essa jogada de lado para fazer correr a linha deles. No fim, a gente acabou criando essas bolas por dentro, mas fomos pouco efetivos – analisou Marcão.

MAIS! Fluminense consegue liminar que impede execuções na Justiça

O Fluminense amargou a segunda derrota seguida – já havia perdido para o Santos, na Vila Belmiro. O clube carioca, agora, volta a campo no sábado para receber o Sport, no Maracanã. O Flu está na oitava colocação do Brasileiro, com 39 pontos.

Comentários