Publicidade

O gol sofrido nos acréscimos frustrou o Fluminense na reestreia de Marcão à frente do clube. O Tricolor vencia o Vasco até os 46 minutos do segundo tempo, quando Cano empatou em São Januário, neste domingo, pelo Brasileiro. Após um bom primeiro tempo, o Flu não teve o mesmo equilíbrio, na visão de Marcão. Por sinal, a atuação da 1ª etapa virou a referência para o time.

Marcão Fluminense Marcão analisou o empate com Vasco | Foto: Lucas Merçon / Fluminense / Divulgação

“Buscar esse equilíbrio do primeiro e do segundo tempo. Queremos a equipe jogando como no primeiro tempo, com agressividade, posse de bola, infiltrações… A gente pensou que o Vasco voltaria em um formato diferente, mas não conseguimos fazer o encaixe e ficamos presos. Vamos tentar fazer a equipe ficar mais parecida com o que apresentou no primeiro tempo”, declarou Marcão.

LEIA MAIS! Thiago Silva aborda planos para o futuro e pensa no retorno ao Fluminense

Publicidade

O técnico do Fluminense, escolhido para substituir Odair Hellmann, que deixou o clube, analisou a reestreia à frente do time. Marcão reforçou a atuação segura do primeiro tempo no clássico.

“Ponto positivo é o que o time rendeu no primeiro tempo, com infiltração, proximidade, posse de bola. Queremos o nosso time jogando dessa forma, impondo o jogo e marcando fortemente. O ponto negativo foi esse desequilíbrio do primeiro para o segundo tempo. Vamos tentar corrigir, porque ficamos para trás. Vamos corrigir para não acontecer mais”, acrescentou Marcão.

Fluminense perde chance de entrar no G-4

O empate teve um duplo sabor amargo para o Fluminense. O Tricolor perdeu a oportunidade de pular para a quarta colocação do Brasileiro. O Flu está na sétima colocação, com 40 pontos.

Publicidade

Na próxima rodada do Campeonato Brasileiro, o Fluminense visita o Atlético-GO, em Goiânia. O jogo será nesta quarta-feira, às 21h30.