Publicidade

O Fluminense ganhou por 2 a 1 o duelo contra o Bragantino. Mas a vitória poderia ser ainda mais tranquila se o Tricolor não tivesse desperdiçado tantas oportunidades de gol. E a cena apenas se repetiu, pois não é a primeira vez que o problema aparece. Assim internamente a ordem é trabalhar a pontaria para não sofrer.

Desde que assumiu o Fluminense, Marcão tem trabalhado para avançar na melhora do time. O primeiro passo foi organizar o sistema defensivo, que muitas vezes era vazado em jogadas tolas. Foi assim contra o Barcelona e diante do Atlético-MG nas eliminações, respectivamente, da Copa Libertadores e da Copa do Brasil.

Elenco do Fluminense treina de olho nos próximos desafios (Foto: Lucas Merçon/Fluminense)

Passada esta fase o treinador passou a atacar a criação de jogadas. Um grande desafio com Paulo Henrique Ganso lesionado, Nenê negociado com o Vasco e Juan Cazares em má fase. Mesmo assim ele foi encontrando opções.

Publicidade

MAIS! A importância de Fred no atual elenco

Com uma boa produção, o Tricolor quer agora avançar no sentido de melhorar a pontaria. A semana será sem jogos e assim o grupo terá a oportunidade de crescer. Mesmo sem falar no problema da pontaria, os jogadores reconhecem que a semana sem jogos é sempre importante.

– Logicamente que quanto mais tempo tivermos para treinar e assimilar o que o treinador nos pede é melhor – diz o atacante Luiz Henrique.

Relacionadas

Marcão Fluminense
Luiz Henrique Fluminense

Publicidade

O elenco do Fluminense ganhou folga nesta terça-feira. O grupo volta aos trabalhos na quarta-feira à tarde, quando começa a preparação para o duelo com o Santos. Os times se enfrentam na Vila Belmiro na noite de domingo.

Comentários