Fluminense

Fluminense inicia renovação de contrato pelos jogadores ‘mais fáceis’

Matheus Ferraz está nos planos do Fluminense (Foto: Lucas Merçon / FFC)

O Fluminense tem nove jogadores com contrato se encerrando em dezembro. Quase todos deverão ter o vínculo prorrogado até fevereiro, quando termina o Campeonato Brasileiro. A competição vai entrar no próximo ano por conta da interrupção do futebol devido à pandemia do Coronavírus. Entretanto alguns atletas estão nos planos por mais tempo. A estratégia determinada pela diretoria e que vem sendo colocada em prática é iniciar o processo de renovação de contrato pelos jogadores ‘mais fáceis’.

Nenê é titular absoluto do Fluminense (Foto: Mailson Santana /Fluminense)

Neste cenário os primeiros a serem procurados foram o zagueiro Matheus Ferraz, o volante Dodi e o meia Nenê. O defensor tem 35 anos e está nos planos da comissão técnica. Assim deverá assinar vínculo por mais uma temporada. Os primeiros contatos foram feitos.

Leia também:

Xerém deu frutos: o Top 10 das vendas mais caras do Fluminense
MQJ Memória: Super Ézio, pois super-herói é pra isso

Nenê é outro veterano que já está negociando.

– É o interesse das duas partes. Acredito que na hora certa não vai ter problema – disse Nenê, um dos destaques do time.

Outro jogador que abriu negociações foi Dodi. O volante foi um dos principais destaques na reta fional do Campeonato Carioca e e a diretoria não quer correr o risco de ver o atleta se valorizar no meio do Campeonato Brasileiro.

Luccas Claro e Orinho estão sendo analisados

O técnico Odair Hellmann vem analisando alguns jogadores e participando das conversas com a diretoria. Dois jogadores ainda serão observados com mais atenção antes de um veredito. Casos do zagueiro Luccas Claro e do lateral-esquerdo Orinho.

Luccas Claro é visto como boa peça de reposição (Foto: Lucas Merçon / FFC)

Luccas Claro tem 29 anos e o treinador gosta do seu trabalho. Em um mercado complicado de se encontrar bons reforços, é v isto como uma boa peça de reposição. Dessa maneira a tendência é que possa ser procurado.

Orinho vive situação contrária. A comissão técnica esperava que ele pudesse disputar posição com Egídio, que já não é uma unanimidade nas Laranjeiras. Mas não foi isso que se viu. Além disso, tem convivido com lesões.

Fluminense vai tentar manter Caio Paulista e Hudson

Dois jogadores estão emprestados por outros clubes, mas seguem nos planos da diretoria. O volante Hudson tem vínculo com o São Paulo. Mas aos 32 anos e sem espaço no M orumbi, tem tudo para ser cedido por mais tempo ao Fluminense.

Caio Paulista tem agradado a Odair (Foto: Mailson Santana/Fluminense)

Aos 22 anos, o atacante Caio Paulista tem entrado no decorrer dos jogos. A falta de medo para finalizar, principalmente de longa distância, agrada Odair. A expectativa é que o jogador possa se tornar importante no segundo semestre, com um calendário apertado por conta do Campeonato Brasileiro e da Copa Libertadores.

Se a diretoria estuda os casos acima, dois atletas já estão totalmente fora dos planos da comissão técnica. Tanto que foram avisados que podem inclusive procurar um clube antes do fim do contrato que o Fluminense não vai criar maiores problemas. São eles o meia Matheus Alessandro, de 24 anos, e o atacante Felippe Cardoso, este último de 21 anos e com os direitos federativos ligados ao Santos.

Você Também pode gostar