Publicidade

O Fluminense passou a ver o G-6 do Campeonato Brasileiro mais longe. A distância, agora, é de cinco pontos. O Tricolor voltou a decepcionar e amarga uma sequência de duas derrotas seguidas. A falta de poder de fogo explica a oscilação carioca.

O principal desafio do Fluminense nesta reta final de Brasileirão é encontrar soluções ofensivas e resolver de uma vez um problema que vem incomodando. O Tricolor Carioca, novamente, não balançou a rede.

Fred Fluminense Fred voltou a jogar, mas não conseguiu impedir derrota | Foto: Mailson Santana / Fluminense / Divulgação

A derrota para o Ceará, no Castelão, por 1 a 0, evidenciou a dificuldade tricolor. Mesmo com um jogador a mais desde os 28 minutos do primeiro tempo, o Fluminense pouco criou e não conseguiu evitar o revés.

Relacionadas

Marcão Fluminense
Matheus Martins Fluminense
David Braz Fluminense

Publicidade

O ataque tricolor já havia passado em branco na derrota para o Santos, na última quarta-feira. O recorte dos últimos sete jogos mostra que o Fluminense precisa ligar o sinal de alerta. O clube carioca não balançou a rede em cinco jogos.

MAIS! Pelo G-6, Fluminense liga sinal de alerta para próximas ‘nove decisões’

O Fluminense perdeu para o Fortaleza por 2 a 0, no Maracanã, empatou sem gols com Atlético-GO, também no Rio, e caiu diante do Corinthians, em São Paulo, por 1 a 0. A sequência foi interrompida contra o Athletico-PR: vitória na Arena da Baixada por 1 a 0, com um gol contra.

Publicidade

MAIS! Marcão reconhece Fluminense pouco efetivo mesmo com um a mais

O triunfo por 3 a 1 no Fla-Flu empolgou, mas o balde de água fria veio nos dois últimos jogos. Baixa produção ofensiva e placar em branco no lado tricolor. Esta dificuldade vem complicando o Fluminense na briga por vaga para a Libertadores.

O drama ofensivo do Fluminense

O Fluzão está na oitava colocação do Brasileiro e tem menos gols (28) do que os sete rivais que estão à frente. A média inferior a um gol por partida indica o problema tricolor. Apenas oito times fizeram menos gols do que o Flu no Brasileiro: Chapecoense, Grêmio, Juventude, Sport, Santos, Ceará, São Paulo e Atlético-GO.

Publicidade

MAIS! Fluminense consegue liminar que impede execuções na Justiça

Outro dado mostra o tamanho do problema do Fluminense. O Tricolor Carioca passou em branco em 11 dos 29 jogos disputados pelo Brasileirão. Ou seja, em quase 40% dos jogos o Flu não balançou a rede.

O técnico Marcão tem a semana livre para treinar e para tentar encontrar soluções para o ataque tricolor. O Flu volta a campo neste sábado e recebe o Sport, às 21h (horário de Brasília), no Maracanã.

Comentários