Publicidade

O Fluminense usou seus reservas na partida de ida das semifinais do Campeonato Carioca. O empate por 1 a 1 com a Portuguesa foi até um bom resultado diante das condições, já que não conseguiu contar com força máxima. Entretanto o que preocupa o Fluminense é que o quadro dificilmente vai mudar para o duelo de volta. Isso porque o segundo jogo contra a Lusa será no meio de outra maratona pela Copa Libertadores, prioridade na temporada.

Nesta terça-feira o elenco do Fluminense treina na parte da manhã e logo depois viaja para a Colômbia. Na quinta-feira tem jogo com o Junior às 19h(de Brasília). O Tricolor defende a liderança no Grupo D, atualmente dividida com o River Plate da Argentina.

Abel Hernández Portuguesa x Fluminense Fluminense ficou no empate com a Lusa (Foto: Mailson Santana / Fluminense)

A delegação retorna da Colômbia após o jogo, com chegada ao Brasil prevista para sexta-feira. O dia será apenas de trabalho regenerativo. Assim haverá apenas um treino, no sábado, antes do duelo com a Portuguesa no domingo, às 16h(de Brasília), no Maracanã.

Publicidade

O Fluminense joga pelo empate com a Portuguesa, pois fez melhor campanha na fase de classificação. Mas não pode correr riscos pois o adversário vem dando trabalho. Além disso pode ser que Roger Machado faça a opção novamente pelos reservas. Afinal de contas, na quarta-feira da próxima semana tem duelo com o Santa Fe na Libertadores, no Rio de Janeiro.

– Temos que pensar sempre no próximo jogo. O próximo jogo é sempre o mais emergencial – diz Roger Machado, evitando revelar seus planos.

Relacionadas

Roger Machado Fluminense

A verdade é que o desgaste físico tem sido grande, mesmo com os reforços contratados recentemente melhorado o padrão do time considerado reserva. Internamente é clara a preocupação com um insucesso no Campeonato Carioca. Entretanto são os riscos de quem joga várias competições.

Comentários