Publicidade

O Flamengo ficou próximo das quartas de final da Libertadores. Na estreia do técnico Renato Gaúcho, nesta quarta-feira, os rubro-negros venceram por 1 a 0 o Defensa Y Justicia-ARG, em Buenos Aires.

O Flamengo não teve boa atuação, mas marcou no primeiro tempo, com Michael. Os rubro-negros sofreram com a pressão do Defensa Y Justicia e viram o goleiro Diego Alves ser destaque.

Michael contou com a sorte para marcar em Buenos Aires (Foto: Alexandre Vidal/ Flamengo)

As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, no Maracanã. O Flamengo joga pelo empate para avançar às quartas de final.

O jogo

Publicidade

O Flamengo começou a partida parecendo estar nervoso. Tanto que o Defensa Y Justicia pressionou e quase abriu o placar quando Diego Alves errou a saída de bola. Só que o goleiro se recuperou e salvou os cariocas. Para melhorar, aos 20 minutos, o Flamengo marcou com Michael. O atacante arriscou de fora da área, a bola tocou em um defensor argentino e encobriu o Unsaín.

O gol deu confiança para Michael, que voltou a assustar em mais um chute. No entanto, o Defensa Y Justicia continuou tendo o controle das ações. Os argentinos só chegaram com perigo aos 43 minutos. Rotondi arriscou da entrada da área e viu Diego Alves fazer boa defesa. Assim, o Flamengo manteve a vantagem até o intervalo.

Argentinos pressionam na etapa final

No segundo tempo, o Defensa Y Justicia voltou melhor e quase empatou em chute de Bou que bateu na zaga. O Flamengo só criou algo aos 14 minutos, quando Gabigol tocou para Gomes na entrada da área. Mas o volante chutou fraco, em cima de Unsain. No entanto, os argentinos voltaram a assustar em seguida, em falta cobrada por Frias.

Publicidade

Os donos da casa seguiam tendo o controle do jogo e novamente criaram boa chance aos 22 minutos. Hachen recebeu passe na área e chutou para boa defesa de Diego Alves. Em seguida, Gabigol apareceu na partida ao ser lançado e chutar em cima de Unsain.

Nos minutos finais, o Flamengo recuou de vez. Com isso, o Defensa Y Justicia foi para cima, mas parou na boa marcação rubro-negra. Assim, os cariocas voltam para o Rio de Janeiro com a vantagem no confronto.

FICHA TÉCNICA
DEFENSA Y JUSTICIA 0 X 1 FLAMENGO

Publicidade

Local: Estádio Norberto Tomaghello, em Buenos Aires, Argentina
Data: Quarta-feira, 14 de julho de 2021
Horário: 21h30 (De Brasília)
Árbitro: Eber Aquino (PAR)
Assistentes: Eduardo Cardozo (PAR) e Jonny Bossio (PAR)
VAR: Derlis Lopez (PAR)
Cartões amarelos: Contreras e Escalante (Defensa Y Justicia); Hugo Moura e Gustavo Henrique (Flamengo)
GOL
FLAMENGO: Michael, aos 20min do primeiro tempo

DEFENSA Y JUSTICIA: Unsain, Frias, Juan Rodríguez e Cardona; Matías Rodríguez, Loaiza, Rotondi (Merentiel), Escalante e Soto; Walter Bou (Lucas Barrios) e Contreras (Hachen)
Técnico: Sebastián Beccacece

FLAMENGO: Diego Alves, Isla (Matheuzinho), Gustavo Henrique, Léo Pereira e Filipe Luís; Thiago Maia (Píris da Motta), João Gomes e Arrascaeta (Arrascaeta); Everton Ribeiro (Pedro), Gabigol e Michael (Vitinho)
Técnico: Renato Portaluppi

Comentários