Publicidade

O Flamengo vive dias decisivos em campo, com reta final de Brasileiro e decisão de Libertadores, e fora dele, com eleição presidencial. O clima político está cada vez mais acirrado.

Com eleições para o próximo triênio acontecendo em poucas semanas, a oposição ao presidente Rodolfo Landim tenta impedir sua reeleição. O argumento utilizado foi a suposta inelegibilidade do atual mandatário, que se tornou réu em uma ação penal ligada à operação Lava-Jato.

Landim Flamengo Rodolfo Landim busca reeleição no Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Sócio benemérito do clube, o desembargador do TJ-RJ, Ciro Darlan, entrou com um recurso contra a decisão do Conselho de Administração de homologar a chapa de Landim e pediu sua exclusão.

Relacionadas

Gerson Flamengo

Publicidade

O recurso, entretanto, foi rejeitado pelo presidente do Conselho de Administração, Bernardo Amaral, que afirmou em sua manifestação: “Inexiste qualquer sustentação jurídica ou estatutária no recurso apresentado.”

MAIS! Flamengo muda planos e adota cautela com Arrascaeta

Além de Landim, o pleito que será realizado no início de dezembro terá como candidatos Marco Aurélio Asseff (Chapa Azul), Ricardo Jorge de Goes Hinrichsen (Chapa Branca) e Walter de Oliveira Monteiro (Chapa Ouro).

Comentários