Publicidade

A reta final da temporada de 2021 será, ao que tudo indica, muito intensa no Flamengo e o grande número de lesões preocupa a comissão técnica. O Rubro-Negro terá as semifinais da Libertadores e, provavelmente, da Copa do Brasil, e, além disso, muitos jogos do Campeonato Brasileiro. Se avançar às finais dos mata-matas então, nem se fala.

Para piorar a situação, a equipe teve três jogos adiados no Brasileirão e ainda lhe restam 21 partidas para completar as 38 rodadas. Embora uma nova rodada tripla das Eliminatórias vá acontecer em outubro, novos adiamentos estão fora de questão.

Rodrigo Caio treinou normalmente e pode retornar nesta quarta-feira (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Assim, se o Flamengo for às finais de Copa do Brasil e disputar a final única da Libertadores, terá 29 jogos entre esta quarta-feira e o dia 8 de dezembro. Isto significa, portanto, que num período de 89 dias, o Rubro-Negro terá de entrar em campo a cada três dias em média.

Publicidade

A semana para o técnico Renato Gaúcho foi de boas e más notícias. O treinador ganhou o reforço de David Luiz, que já iniciou os treinamentos no Ninho do Urubu e deve estrear em breve. Entretanto, o meia Arrascaeta engrossou a lista de atletas no departamento médico, e se juntou a Filipe Luis e Diego Ribas.

Leia Também:

CBF tira o corpo fora e Grêmio e Fla travam guerra antes de a bola rolar

Pedro celebra fim do jejum de gols no Flamengo

Publicidade

O trio de titulares está fora das partidas contra o Grêmio nesta quarta-feira e no domingo, pela Copa do Brasil e Brasileirão, respectivamente. Além disso, são dúvidas para a primeira partida das semifinais da Libertadores, contra o Barcelona de Guayaquil, na próxima semana.

Por outro lado, Bruno Henrique iniciou trabalhos de transição física nesta segunda-feira e possivelmente estará à disposição contra os equatorianos.

Outra boa notícia foi a participação de cinco atletas no coletivo desta segunda-feira contra a equipe sub-20. O goleiro Cesar, Rodrigo Caio, Piris da Motta, Renê e Kenedy participaram da atividade sem restrições. Enquanto isso, os titulares contra o Palmeiras fizeram apenas um trabalho regenerativo.

Relacionadas

Michael Flamengo

Publicidade

Por fim, Gabigol, que retornou da Seleção Brasileira no sábado apresentando dores musculares, fez um trabalho com bola no campo. O atacante, contudo, não participou do coletivo com os demais jogadores.

Nesta terça-feria, Renato comandará o último treino antes da partida de volta das quartas da Copa do Brasil contra o Grêmio. Como o Flamengo venceu o primeiro jogo por 4 a 0, a tendência é que Renato preserve muitos de seus titulares.

Comentários