Publicidade

O Flamengo tropeçou na noite desta quarta-feira e não passou de um empate em 1 a 1 contra o Bragantino no Brasileirão. Com uma escalação cheia de desfalques devido às convocações e problemas médicos, o Rubro-Negro não teve uma boa atuação. Mas após a partida, o técnico Renato Gaúcho preferiu desabafar e fazer críticas à CBF.

A equipe carioca é a que tem o maior número de jogadores servindo seleções nas datas Fifa de outubro. O time perdeu quatro titulares e, além disso teve desfalques por lesão. Assim, o Flamengo entrou em campo com sete alterações em relação ao time que venceu o Athletico-PR no domingo.

Renato disparou contra a CBF após empate do Flamengo em Bragança Paulista (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

– Vejo muita gente comentando que o Atlético-MG, Internacional, o próprio Palmeiras foram prejudicados também. A pergunta que eu faço para essas pessoas é: prejudicados no que em relação ao Flamengo? Se o Flamengo tem um jogador convocado, tudo bem, mas o Flamengo tem quatro. Então, não venha me falar que Internacional, Atlético e Palmeiras também estão sofrendo. Estão sofrendo por causa de um jogador, o Flamengo está sofrendo por causa de quatro jogadores – desabafou Renato.

Publicidade

O técnico lembrou da promessa da CBF de adiar os jogos do Flamengo, mas que depois voltou atrás e manteve o calendário.

Leia Também:

‘Vilão’, Tite joga a polêmica do calendário para a CBF

Flamengo quer a gestão: licitação do Maracanã é iniciada

Publicidade

– Então, não estou aqui para ir contra uma CBF, para ir a favor do Flamengo, até porque a favor do Flamengo eu vou sempre. Agora, são as Datas Fifa. Tem gente lá na CBF que tá falando e não está cumprindo. E quem é o prejudicado é o Flamengo por ter quatro jogadores na Seleção. Da próxima vez convoque apenas um jogador, aí fica igual para todo mundo – afirmou.

Relacionadas

Apesar do resultado, o Flamengo ultrapassou o Palmeiras, que perdeu na rodada, e agora é o vice-líder do Campeonato Brasileiro. Mas a distância para o líder Atlético-MG se mantém em onze pontos e a cada rodada vai ficando mais longe o tricampeonato rubro-negro.

Comentários