Publicidade

O Flamengo tem à disposição o time titular para a final da Libertadores, contra o Palmeiras, neste sábado, no Uruguai. Renato Gaúcho, assim, consegue algo raro (e quase inédito) no jogo mais importante de 2021.

A formação considerada ideal, com Diego Alves, Isla, Rodrigo Caio, David Luiz, Filipe Luís, Willian Arão, Andreas Pereira, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol, atuou uma única vez. E por pouco tempo. Foi na vitória sobre o Barcelona de Guayaquil, fora de casa, pela semifinal da Libertadores.

Arrascaeta Flamengo Arrascaeta está à disposição de Renato Gaúcho | Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Divulgação

Na ocasião, o Flamengo entrou em campo com a força máxima, no dia 29 de setembro. Entretanto, David Luiz se lesionou logo no começo do jogo e foi substituído aos dez minutos. Desde então, o clube carioca teve muitos problemas físicos.

Relacionadas

Gabigol Flamengo
Montevidéu Flamengo
Arrascaeta Flamengo

Publicidade

David Luiz, por exemplo, só voltou a jogar no dia de 5 de novembro. Ele não foi o único que ficou fora por lesão ou desgaste. Diego Alves, Rodrigo Caio, Filipe Luís, Arrascaeta e Bruno Henrique desfalcaram o Flamengo, em alguns momentos, daquele duelo com o Barcelona para cá.

MAIS! Flamengo vê vitória em planejamento para a final da Libertadores

Para a final da Libertadores, o Flamengo precisou fazer um planejamento especial para ter o elenco na melhor condição possível. O maior “drama” foi com Arrascaeta. O meia uruguaio, com uma lesão muscular, não atuava pelo clube carioca desde o início de outubro. Conseguiu se recuperar e ganhar minutos contra o Grêmio e contra o Internacional.

Publicidade

Assim, com a possibilidade de novamente ter a formação ideal, o Flamengo vai decidir a Libertadores contra o Palmeiras. O duelo será neste sábado, às 17h (horário de Brasília), no Estádio Centenário.

Comentários