Publicidade

O Flamengo não corre riscos de ser punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por conta da atuação do meia Andreas Pereira na goleada de 4 a 0 sobre o Santos 18ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Peixe tinha aberto denúncia contra a escalação do atleta.

Naquela ocasião Andreas entrou no segundo tempo e marcou um gol. Mas o Santos reclamou de um suposto descumprimento de protocolos impostos pela Anvisa no combate à pandemia. Mas a comissão disciplinar do STJD entendeu que não houve infração.

Andreas Pereira estreou contra o Santos e marcou seu primeiro gol (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Em sua defesa o Flamengo lembrou, por meio do advogado Michel Assef Filho, que as exigências de quarentena após a chegada ao Brasil vindo da Inglaterra era uma orientação apenas para estrangeiros. Além disso, Andreas Pereira apresentou toda documentação e exames com IGG reagente, que o dispensam até mesmo de novos testes até janeiro.

MAIS! Multa de gente grande! Flamengo renova com promessa

Publicidade

A denúncia do Santos indicava infrações em três artigos do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, mas os três auditores do STJD e o presidente Otacílio Araújo Neto foram unânimes na absolvição ao Flamengo.

Relacionadas

Memes da vitória do Brasil sobre o Uruguai

Comentários