Publicidade

O atacante Rodrigo Muniz despertou o interesse de clubes europeus e pode estar de saída do Flamengo. Embora precise vender jogadores para cumprir seu orçamento para 2021 o Rubro-Negro tem outras preocupações. A diretoria do Flamengo teme a perda de atletas nas próximas convocações da Seleção Brasileira, e isso pode fazer o clube segurar Muniz.

A primeira convocação do técnico Tite este ano será na próxima sexta-feira, para as datas Fifa de junho. Ao longo de 2021, serão várias convocações para Eliminatórias Sul-Americanas e Copa América.

Rodrigo Muniz Flamengo Rodrigo Muniz | Foto: Marcelo Cortes/Flamengo

O Flamengo tem três centroavantes no elenco principal, Gabigol, Pedro e Muniz. Com os dois primeiros em grande fase, a expectativa é de um deles esteja na lista do treinador da Seleção. Se isso se confirmar, portanto, e o Fla liberar Muniz, terá apenas um jogador para o Brasileirão e Copa do Brasil no mês que vem.

Publicidade

– A gente conta com todos os jogadores do nosso elenco para bater metas esportivas. A gente recebe propostas, avalia, responde. Tem o lado do clube, do jogador. A gente pensa com calma, o que vai trazer de impacto financeiro, esportivo para o clube – afirmou o diretor de futebol Bruno Spindel à ESPN Brasil.

Gabigol e Pedro | Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

– A gente confia muito no Rodrigo Muniz. Fez uma temporada boa no ano passado, faz uma temporada muito boa esse ano. É natural que desperte interesse de vários clubes do mundo – completou.

Relacionadas

Assim, se a saída do jogador comprometer o desempenho esportivo nas competições deste ano, isso dificultará o cumprimento das metas de premiações do orçamento. Com o grande número de jogos no calendário, Rogério Ceni tem feito um rodízio no elenco e Muniz entrou em muitos jogos. Sua saída, portanto, será um prejuízo para o treinador e para o time.

Comentários