Publicidade

O técnico Rogério Ceni vai ter que quebrar um pouco mais a cabeça no Flamengo. O Rubro-Negro sofreu uma nova baixa em seu time titular nesta quinta-feira. E desta vez o setor atingido é o mais carente do elenco. O volante Willian Arão deixou o treino desta quarta-feira com dores no posterior da coxa direita.

Willian Arão e Éverton Ribeiro, do Flamengo Willian Arãovai desfalcar o Flamengo (Foto: Alexandre Vidal / Flamengo / Divulgação)

O atleta foi submetido a exame na manhã desta quinta e foi constatada uma lesão. O clube postou uma nota em sua conta oficial no Twitter:

“O atleta Arão sentiu dores na parte posterior da coxa direita no treino de ontem. Na manhã desta quinta-feira (10.12), realizou exame, que constatou lesão no local. Iniciou tratamento. #CRF”

Publicidade

Leia também:

Benfica nega negociação com dupla rubro-negra
Datas Fifa de 2021 preocupam e Flamengo mira contratações

O departamento médico não divulgou se Arão está vetado para a partida do próximo domingo contra o Santos, mas, pelo tipo de lesão, sua ausência é praticamente certa.

Volante é uma posição que preocupa

Publicidade

O Flamengo iniciou a temporada com muitas opções para a posição, mas ao longo do ano vendeu Vinícius Souza para o Grupo City e emprestou Hugo Moura (Coritiba) e Piris da Motta (Turquia). Além disso, na semana passada, Thiago Maia foi submetido a uma cirurgia no joelho e só deve retornar no meio de 2021.

Nos últimos meses, o Rubro-Negro teve de recorrer à base para suprir a carência no setor. Assim promoveu João Gomes, 19 anos, e Daniel Cabral, 18 anos.

Para o duelo contra o Peixe, a tendência é que Gerson seja recuado e Diego Ribas componha o meio-campo.