Publicidade

O sonho do tricampeonato brasileiro vai ficando cada vez mais distante para o Flamengo. Para piorar, o futebol apresentado faz o time ficar cercado de dúvida para a final da Libertadores, no dia 27, contra o Palmeiras.

O empate com a Chapecoense, nesta segunda-feira, na Arena Condá, complicou de vez a vida rubro-negra no Brasileirão. A diferença para o Atlético-MG é de 11 pontos. O Fla tem um jogo a menos. O time de Renato Gaúcho voltou a decepcionar.

Renato Flamengo Renato tenta manter otimismo no Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Em que pesem os erros da arbitragem – pênalti não dado e impedimento mal marcado em lances de Gabigol, no primeiro tempo -, a atuação do Flamengo foi ruim. O Fla teve um homem a mais por cerca de 30 minutos e, mesmo assim, não conseguiu vencer.

Relacionadas

Torcida do Flamengo preocupada

Publicidade

O cenário deixa o torcedor com pulga atrás da orelha. Após críticas à arbitragem, Renato Gaúcho reconheceu que o momento não é dos melhores. Apesar do se que vê em campo, ele buscou tranquilizar a torcida.

MAIS! Por que o Flamengo deve endurecer na renovação com a Adidas

– É lógico que estamos devendo bastante, mas vamos melhorar. Pode ter certeza. Dia 27 é um jogo atípico, um jogo de 90 minutos totalmente diferente. Não adianta eu falar que estamos jogando a cada três dias que vão dizer que é desculpa. Mas a realidade é essa. O desgaste é muito grande. Não temos tempo para treinar. Mudamos peças porque os jogadores estão esgotados. Dois jogadores nem deviam jogar e estamos arriscando até perder para o dia 27. São várias cabeças aqui pensando no que é melhor, mas o torcedor pode ficar tranquilo que no dia 27 estaremos inteiros para a decisão – declarou Renato Gaúcho.

Publicidade

O Flamengo está na terceira colocação do Campeonato Brasileiro, com 54 pontos. O clube carioca volta a campo já nesta quinta-feira e recebe o Bahia, às 19h (horário de Brasília), no Maracanã.

Comentários