Publicidade

O Flamengo de 2021 ainda não é o ideal que a torcida espera. Mas, se defensivamente ele preocupa, o ataque está funcionando. E um dos pontos altos deste início de temporada não é nenhum dos artilheiros da equipe, como Gabigol e Pedro. A fase artilheira de Arrascaeta é o maior destaque no Flamengo.

Arrascaeta comemora gol contra o Vélez (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

O uruguaio atuou em quatro partidas desde que os titulares rubro-negros retornaram das férias. E marcou gol em todas elas, contra Bangu e Madureira pelo Carioca, na final da Supercopa contra o Palmeiras, e na estreia na Libertadores. Mas mesmo com o melhor início de temporada na carreira, Arrascaeta segue pregando a humildade aos companheiros.

– Temos um grupo fantástico, grandes jogadores. Lutaremos até o final. Já demonstramos que o caminho é seguir humildemente. A humildade é um de nossos pontos fortes – afirmou o uruguaio após a vitória de virada por 3 a 2 sobre o Vélez Sarsfield.

Publicidade

Em Buenos Aires, Arrascaeta deu a assistência a Gabigol no lance que gerou o pênalti convertido pelo camisa nove. Além disso, marcou o gol da virada com um belo chute de fora da área.

Leia também:

Flamengo estreia com vitória na Libertadores

Publicidade

Meta é chegar pelo menos às semifinais

Polêmica fora de campo não afetou desempenho

As recentes polêmicas extra campo envolvendo uma possível insatisfação de Arrascaeta e seu empresário, portanto, não estão atrapalhando seu desempenho.

Na semana passada, na véspera do clássico contra o Vasco, circulou a informação de que Arrascaeta não entraria em campo por estar insatisfeito. O jogador e seu agente estariam cobrando uma valorização à diretoria do Flamengo. Alegando uma lesão no tornozelo, o jogador ficou de fora no Maracanã.

Publicidade

Falando sobre o assunto em sua coletiva em Buenos Aires, o técnico Rogério Ceni, entretanto, deu outra visão sobre o assunto.

– Falando minha impressão como treinador, em nenhum momento demonstrou… Teve sim uma lesão no tornozelo, que atrapalhou ele, ficou tratando durante dois dias, se recuperou bem e mostra seu talento no dia de hoje. Pra gente, dentro de campo, não influenciou em nada comentários que seguem fora dele. Eu acho que ele é feliz aqui, considerado pelo torcedor e direção, jogador jovem, que pode ficar muito tempo jogando pelo Flamengo – disse o treinador.

No próximo sábado, o Flamengo enfrenta o Volta Redonda pela última rodada do Carioca. Uma vitória dará ao Rubro-Negro o título da Taça Guanabara. Se marcar, Arrascaeta vai estabelecer um novo recorde na carreira com cinco gols em cinco jogos.

Comentários