Publicidade

Rodolfo Landim vai se consolidando como um dos presidentes mais vitoriosos da história do Flamengo. Desde que assumiu em 2019, o clube coleciona títulos e aumenta o poderio financeiro. Assim, o atual mandatário aparece como grande favorito para se eleger novamente no pleito que acontecerá na primeira quinzena de dezembro.

O ano de 2020, com as complicações decorrentes da pandemia, foi difícil para o Flamengo. Mas em 2021, o clube se recuperou dentro e fora do campo e pode terminar o ano com títulos expressivos e faturamento recorde.

Rodolfo Landim comemorou a classificação do Flamengo e projetou a continuidade de sua gestão (Reprodução FlaTV)

Após a classificação do Flamengo para a segunda final da Libertadores sob sua gestão, Landim projetou a continuidade do trabalho.

Publicidade

– Não vai parar por aí. Quando nós assumimos o Flamengo, com uma equipe maravilhosa que temos, tínhamos certeza que o trabalho iria trazer grandes resultados. Então, vamos continuar com esse trabalho, se Deus quiser, para a gente, pelo menos nos próximos três anos aí, continuarmos pegando grandes títulos para o Flamengo – disse Landim à FlaTV.

Leia Também:

Arrascaeta nega favoritismo do Flamengo na Liberta: ‘Completamente diferente’

David Luiz: ‘Vamos saber exatamente a lesão nos próximos dias’

Publicidade

O confronto decisivo pelo título sul-americano acontecerá em 27 de novembro, em Montevidéu, poucos dias antes das eleições no clube. Além disso, o Flamengo, que vai enfrentar o Palmeiras na final, também pode faturar o tri brasileiro e a Copa do Brasil este ano.

– Acabei de receber uma mensagem de felicitações do presidente da Conmebol, a quem agradeço publicamente, o Alejandro, que estava nos felicitando para a passagem à final. Ele disse que ‘nos veremos em Montevidéu’, então, vamos todos para Montevidéu. Vamos lutar para tentar conseguir mais uma vitória para o Flamengo – projetou.

Relacionadas

Apesar do grande sucesso, Landim tem opositores na disputa pela presidência para o próximo triênio (2022-2024). Nesta quinta-feira, mais dois candidatos registraram suas candidaturas para concorrer ao cargo, Walter Monteiro e Ricardo Hinrichsen. Assim, com Landim e Marco Aurélio Asseff, já são quatro postulantes à presidência do clube de maior torcida do Brasil.

Comentários