Publicidade

O clima esquentou no fim do jogo entre Brusque e Botafogo, neste sábado, no Estádio Augusto Bauer, pela 12ª rodada da Série B. Após a virada dos donos da casa, o lateral João Carlos comemorou o triunfo perto do banco do clube carioca. O tempo fechou.

Os jogadores do Botafogo entenderam o gesto de João Carlos, que olhava para os atletas do clube carioca, como uma provocação. Parte do elenco alvinegro foi tirar satisfação com o lateral.

Botafogo confusão Tempo fechou após a derrota carioca | Foto: Reprodução Premiere

O zagueiro Kanu precisou ser contido, assim como o diretor de futebol do Botafogo, Eduardo Freeland. A turma do deixa disso teve de entrar em ação para acalmar os ânimos.

Relacionadas

Brusque Botafogo

Publicidade

O Botafogo levou a virada do Brusque já no fim do jogo. O clube carioca foi comandado pelo interino Ricardo Resende. O Fogão procura um substituto para o técnico Marcelo Chamusca, demitido, mas vem encontrando dificuldades.

Botafogo treta Kanu precisou ser contido | Foto: Reprodução Premiere

Agora, o Botafogo amarga uma sequência de quatro jogos sem vencer – são dois empates e duas derrotas. Com 13 pontos em 11 partidas (tem um jogo adiado), o Fogão está na 13ª colocação, com sete pontos a menos do que o Goiás, quarto colocado.

MAIS! Botafogo avalia situação de Ronald e pode ir ao mercado

Publicidade

Na próxima rodada, o Fogão recebe justamente o Goiás. O duelo será nesta terça-feira, às 19h (de Brasília), no Estádio Nilton Santos.

Comentários