Publicidade

Ídolo em um primeiro momento. Chinelinho em outro. Assim o jogador de futebol convive com a maioria dos torcedores. Isso fica evidente na relação entre Gatito Fernández e a torcida do Botafogo. Herói da conquista do título carioca de 2018, ao lado do zagueiro Joel Carli, o jogador amarga agora um momento de cobranças.

Gatito Fernández está há quase um ano longe dos gramados por conta de uma lesão no joelho direito. Após meses de tratamento, ele finalmente alcançou a fase de transição para retornar às atividades com o elenco do Botafogo.

Gatito segue sem previsão de retorno aos gramados.Mas sonha com retorno (Foto: Reprodução)

No momento, o paraguaio realiza trabalhos no campo e na academia e existe a possibilidade dele ser integrado ao grupo no mês que vem. Apesar do tempo, as polêmicas envolvendo sua lesão continuam a incomodar Gatito.

Publicidade

MAIS! Prioridade no Botafogo é manter elenco

Nesta terça-feira, ao se deparar com uma postagem no Instagram com críticas a ele pela forma como supostamente agravou a lesão, o goleiro rebateu em tom de desabafo.

Gatito explicou lesão

No segundo semestre de 2020, Gatito sofreu uma lesão cujo prazo de recuperação foi estimado em 14 dias. Convocado pela Seleção do Paraguai para disputar às Eliminatórias, ele se apresentou e disputou uma partida. No retorno, a lesão tinha piorado.

Publicidade

“Gostaria de aclarar que eu nunca forcei ir para minha seleção e jogar os primeiros jogos das Eliminatórias e perder todo ano sem poder jogar. Em fui para a seleção porque me falaram que em 14 dias ficaria bem novamente. E foi o que eu fiz. O jogo na seleção foi dia 8/10/2020. E sempre se falou que eu piorei a minha lesão indo para a seleção (me convenceram que foi isso que piorou).

Relacionadas

Botafogo

Mas quando consultei pela primeira vez com o meu médico particular, 29/01/2021, ele mostrou para mim nas imagens que não tinha mudado praticamente nada da primeira lesão. E falou que a primeira lesão eu já tinha que ter ficado 2 meses com muletas para poder melhorar (então não eram 14 dias).”

Gatito tem contrato com o Botafogo até o final de 2021 e sempre se mostrou disposto a cumpri-lo, mesmo com o rebaixamento à Série B.

Comentários