Publicidade

O Botafogo tem sofrido com as fracas atuações nesta temporada. Com isso, a pressão sobre diretoria e comissão técnica vem crescendo nas últimas semanas.

Tanto que os muros de General Severiano apareceram com pichações. Os principais alvos são o diretor-executivo Eduardo Freeland e o técnico Marcelo Chamusca.

Torcida tem criticado futebol alvinegro na temporada (Foto: Reprodução)

As pichações pedem as saídas dos profissionais. Ambos chegaram nesta temporada, mas são considerados os maiores culpados pela fraca campanha alvinegra em 2021.

Publicidade

O Botafogo não se classificou para as semifinais do Campeonato Carioca e perdeu a partida de ida da final da Taça Rio, para o Vasco. Além disso, os alvinegros foram eliminados de forma precoce da Copa do Brasil.

Relacionadas

Marcelo Chamusca chegou para esta temporada e não conseguiu melhorar o desempenho do Botafogo. Com isso, os rumores sobre sua saída antes do início da Série B do Campeonato Brasileiro aumentaram nos últimos dias.

Comentários