Publicidade

Se existe uma hora para buscar forças é essa. Esse é o pensamento do Botafogo. Vivendo uma das piores crises da sua história o Botafogo recebe o Ceará neste sábado, no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ), a partir das 17h(de Brasília), na abertura da última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro. Com 19 pontos, o Glorioso flerta perigosamente com a zona de rebaixamento. Já o Vozão, embalado pela vitória de 2 a 1 sobre o Coritiba, tem 22 pontos e mira a parte de cima da tabela de classificação.

Jogadores podem tirar Botafogo da crise (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Com o projeto de transformação do clube em empresa mergulhado em um mar de incertezas, o Botafogo não consegue render o que dele se espera. A situação piora porque o time foi derrotado pelo Cuiabá por 1 a 0 pela Copa do Brasil e o resultado custou o cargo do técnico Bruno Lazaroni.

Leia também:

Publicidade

Elenco se fecha pela Copa do Brasil
Montenegro descarta Abel e Vanderlei e critica Felipe Neto
Botafogo desmancha comissão técnica

Os jogadores sabem que não existe outro remédio que não seja a vitória.

– Não podemos demorar a pegar no tranco. Precisamos reagir rapidamente. Assim é foco no próximo rival – avisou o lateral-esquerdo Victor Luis.

Publicidade

O time neste duelo será dirigido pelo preparador de goleiros Flávio Tenius, que será auxiliado pelo membro da comissão técnica permanente do clube Lucio Flavio, ex-jogador do Alvinegro. Ele não revelou o time que vai a campo, mas deve manter a base que vinha jogando.

Ceará minimiza crise do Botafogo

Flávio Tenius dirige o Botafogo, mas de forma interina (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Pelo lado do Ceará, o técnico Guto Ferreira passou para os jogadores a necessidade de não se iludirem com o momento do Botafogo. O discurso foi bem assimilado e os atletas entendem que seria melhor enfrentar o rival em situação mais tranquila.

– Nós não estamos acreditando que teremos facilidades com a situação do Botafogo. Muito pelo contrário. Eles chegarão com ainda mais vontade de ganhar a partida. Temos que tomar o máxiomo de cuidado – disse o volante Fabinho.

Publicidade

Guto não quis antecipar a escalação, pois sabe que o desgaste do time é grande. Na quarta-feira o Vozão empatou sem gols com o Santos em São Paulo, pela Copa do Brasil. Além disso tem o duelo da volta na próxima semana. Assim o estado físico dos atletas vai ajudar a definir quem estará em campo. Entretanto ele descartou um time reserva.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-RJ X CEARÁ-CE

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 31 de outubro de 2020 (Sábado)
Horário: 17h(de Brasília)
Árbitro: Diego Pombo Lopez (BA)
Assistentes: Bruno Boschilia (Fifa-PR) e Elicarlos Franco de Oliveira (BA)
VAR: Marcio Henrique de Gois (SP)

Publicidade

BOTAFOGO: Diego Cavalieri, Kevin, Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luis; Rafael Forster, Caio Alexandre, Keisuke Honda e Bruno Nazário; Rhuan e Pedro Raul
Técnico: Flávio Tenius
CEARÁ: Fernando Prass, Eduardo, Luiz Otávio, Eduardo Brock e Alyson; Fabinho, Charles, Fernando Sobral e Vina; Rafael Sobis e Léo Chú
Técnico: Guto Ferreira