Publicidade

O presidente Durcesio Mello liberou um valor acima do teto de orçamento para a chegada de um meia e de um centroavante acima da média. Jogadores em condições de assumirem a vaga no time. Mas o Botafogo vem encontrando grandes dificuldades para contratar os reforços de peso.

O Botafogo está perto de anunciar um pacote de reforços para o Campeonato Brasileiro da Série B. Ao contrário do prometido pela diretoria, contudo, não chegarão nomes de peso para o elenco comandado por Marcelo Chamusca. Assim a preocupação aumenta para a Série B.

Marcelo Chamusca Botafogo Marcelo Chamusca não tem os reforços que desejava. Além disso não tem perspectiva (Foto: Vitor Silva / Botafogo)

O desejo da torcida, compartilhado pela diretoria alvinegra, de qualificar o elenco esbarrou na realidade financeira do clube. Sem condições de contratar atletas que viessem para ser titulares, o jeito foi compor o elenco.

Publicidade

MAIS! Aproveitamento de Chamusca não garante acesso do Botafogo

Os dois primeiros a chegar devem ser Daniel Borges e Luis Oyama, lateral-direito e volante, respectivamente, do Mirassol. A dupla fez um bom Campeonato paulista e ajudou a equipe do interior a chegar às semifinais.

Os dois estão no Rio de Janeiro para realizar exames médicos e assinar contrato. Ambos chegam por empréstimo até o fim de 2021. Assim são novas apostas da comissão técnica.

Relacionadas

Publicidade

Além disso, o departamento comandado por Eduardo Freeland está a procura de um meia e um centroavante. Por determinação do CEO Jorge Braga, o Botafogo está usando serviços de uma empresa scout para garimpar o mercado por oportunidades.

Comentários