Publicidade

O Botafogo empatou por 0 a 0 com o Goiás, nesta segunda-feira, no Nilton Santos. Com o resultado, os alvinegros chegaram a décima igualdade e 19 pontos no Campeonato Brasileiro. Já os goianos, com 11, seguem na lanterna.

Botafogo tentou, mas parou no Goiás (Foto: Vitor Silva/ Botafogo)

Os donos da casa foram melhores no primeiro tempo e desperdiçaram algumas boas chances. No segundo tempo, o Goiás equilibrou o confronto e parou de sofrer com os alvinegros.

O Botafogo só volta a atuar pelo Brasileiro no dia 31 de outubro, contra o Ceará, no Nilton Santos. Já o Goiás encara o Bragantino, no sábado, em Bragança Paulista.

O jogo

Publicidade

O Botafogo dominou as ações desde os primeiros minutos. Os alvinegros chegavam com facilidade, mas pecavam nas finalizações. A primeira boa chance aconteceu aos 17 minutos. Rhuan fez boa jogada e cruzou, mas viu a zaga do Goiás afastar no pé de Honda. O japonês chutou para grande defesa de Tadeu.

Os alvinegros seguiram em busca do gol e quase abriram o placar aos 24 minutos. Kevin cruzou na medida para Pedro Raul. O atacante cabeceou bonito e parou em mais uma grande defesa de Tadeu. O primeiro chute do Goiás veio em seguida. Daniel Bessa chutou da entrada da área, mas em cima de Diego Cavalieri.

Os donos da casa continuavam melhores e chegaram aos 28 minutos. Rhuan chutou no canto, mas Tadeu se esticou para salvar os goianos. Os visitantes só conseguiram equilibrar o jogo nos minutos finais. Na melhor chance, Shaylon obrigou Diego Cavalieri a boa defesa. Assim, o duelo permaneceu igual até o intervalo.

Segundo tempo morno

Publicidade

No segundo tempo, o Botafogo assustou logo no primeiro minuto. Honda achou Pedro Raul na área e o atacante finalizou muito perto do gol. Só que o Goiás respondeu em seguida. Vinícius recebeu passe na área e chutou para grande defesa de Diego Cavalieri.

O jogo seguiu em ritmo acelerado e os donos da casa quase marcaram aos três. Honda finalizou da entrada da área, mas Tadeu salvou os goianos. Só que os visitantes buscavam os contra-ataques e rondavam a área alvinegra.

Aos poucos, o confronto diminuiu de ritmo. O Botafogo voltou a ter o controle da posse de bola, mas parou de chegar com perigo. Somente aos 32 minutos, Matheus Babi recebeu passe na área e chutou para mais uma grande defesa de Tadeu.

Publicidade

Na parte final, os alvinegros tentaram esboçar uma pressão, mas pouco incomodaram Tadeu. O Goiás conseguiu se segurar para sair de campo com mais um ponto.

FICHA TÉCNICA:
BOTAFOGO 0 X 0 GOIÁS

Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de outubro de 2020, segunda-feira
Hora: 20h (de Brasília)
Árbitro: Edina Alves Batista (SP)
Assistentes: Neuza Ines Back (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)
Cartões amarelos: Kevin e Guilherme Santos (Botafogo); Breno (Goiás)

Publicidade

BOTAFOGO: Diego Cavalieri, Kevin, Marcelo Benevenuto, Kanu e Victor Luís (Matheus Babi); Forster (Éber Bessa), Caio Alexandre (Cícero), Bruno Nazário (Guilherme Santos) e Honda; Rhuan (Davi Araújo) e Pedro Raúl
Técnico: Bruno Lazaroni

GOIÁS: Tadeu; Edílson, David Duarte, Fábio Sanches e Caju; Breno, Ariel Cabral, Daniel Bessa (Douglas Baggio) e Shaylon (Fernandão); Keko (Eduardo Ratinho) e Vinícius Lopes.
Técnico: Enderson Moreira