Publicidade

Neste sábado, o Campeonato Brasileiro terá o jogo entre Coritiba e Botafogo, no Couto Pereira. As duas equipes estão na zona de rebaixamento e miram um bom resultado apara iniciarem uma reação na Série A.

Kalou é a novidade no Botafogo (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

O Coritiba tem 21 pontos e segue em uma sequência negativa no Brasileiro. Por conta disso, a diretoria paranaense demitiu Rodrigo Santana e optou por manter Pachequinho como interino enquanto não encontra um nome.

Para esta partida, Pachequinho terá os retornos do lateral-esquerdo William Matheus e dos os atacantes Matheus Sales e Matheus Galdezani. Já na frente, o atacante Neílton pode ganhar a vaga de Robson.

Barroca busca primeira vitória

Publicidade

O Botafogo também vive péssimo momento na competição. Tanto que os alvinegros estão na lanterna da Série A.

O técnico Eduardo Barroca vem buscando força para reagir no campeonato. O comandante afirmou que o duelo deste sábado deve ser encarado como uma decisão.

– O jogo contra o Coritiba é uma final de Copa do Mundo. É um adversário direto, chance de ganhar duas posições. E para interromper essa sequência, para que a confiança volte e o jogador não entre em campo com esse peso – disse.

Publicidade

Em termos de escalação, o Botafogo não terá o meia Bruno Nazário e o lateral esquerdo Victor Luís, suspensos. Kalou e Rafael Forster serão seus substitutos. Na zaga, Marcelo Benevenuto volta após cumprir suspensão.

FICHA TÉCNICA:
CORITIBA X BOTAFOGO

Local: estádio Couto Pereira, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 19 de dezembro de 2020, sábado
Hora: 21h (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira (SP)
Assistentes: Neuza Ines Back (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)
VAR: Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (SP)

Publicidade

CORITIBA: Wilson; Maílton, Rhodolfo, Sabino e William Matheus; Matheus Sales (Hugo Moura), Matheus Galdezani e Giovanni Augusto; Rafinha, Robson (Neílton) e Ricardo Oliveira
Técnico: Pachequinho (interino)

BOTAFOGO: Diego Cavalieri; Kevin, Marcelo Benevenuto, Kanu e Rafael Foster; Zé Welisson, Caio Alexandre, Honda e Warley; Kalou e Pedro Raul
Técnico: Eduardo Barroca