Publicidade

Sem pressão a mais. Assim o Botafogo lida com a derrota para o CSA. O Glorioso deixou escapar uma invencibilidade de sete jogos com a derrota para o time alagoano, na noite desta quinta-feira, em Maceió. Dono da maior arrancada da competição, o Alvinegro segue dentro do G-4 e tem três pontos de vantagem para o quinto colocado Guarani-SP.

O time treinado por Enderson Moreira não conseguiu manter o nível das últimas rodadas e caiu por 2 a 0 no Rei Pelé. O resultado, entretanto, serviu de alerta e deu razão aos pedidos de cautela diante da euforia que se instalou em General Severiano.

CSA x Botafogo Botafogo decepciona contra o CSA (Foto: Augusto Oluveira / CSA / Divulgação)

– Como falei anteriormente, desconheço uma equipe no Campeonato Brasileiro de Série A ou B que consiga fazer um turno com 100% de aproveitamento. Isso não acontece – alertou Enderson em sua coletiva após o jogo.

Publicidade

– A gente precisa acima de tudo é ter tranquilidade para num momento desse não criarmos nenhum monstro aqui dentro, como se as coisas estivessem todas erradas. Foi um resultado ruim, mas que acontece com todas as equipes – completou.

MAIS! Enderson sai em defesa de Diego Loureiro

O primeiro tempo do Alvinegro em Maceió foi muito ruim e o CSA criou as melhores oportunidades de abrir o placar. Entretanto, foi nos primeiros 25 minutos do segundo tempo que a equipe alagoana marcou seus dois gols.

Treinador tinha lembrado de perigos

Publicidade

O treinador alvinegro reforçou seu alerta sobre as dificuldades da Série B.

– Fico vendo muita gente que já colocava nossa equipe como classificada, e acho um equívoco enorme. A competição está aberta, temos muitos jogos pela frente, 39 pontos a serem disputados ainda e que pode trazer muitas surpresas. Criamos uma estabilidade boa como equipe, e buscou resultados importantes. Então precisamos continuar firmes e dedicados – concluiu.

A chance de recuperação virá logo neste domingo. O Botafogo vai receber o Sampaio Corrêa, outra equipe que sonha com o acesso a Série A, às 18h15, no Engenhão.

Publicidade

 

Comentários