Publicidade

O desgaste físico das viagens das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022 e um quadro de cansaço muscular. Esses argumentos são suficientes para o técnico Bruno Lazaroni preservar o goleiro Gatito Fernández do jogo de segunda-feira, às 20h(de Brasília), contra o Goiás pelo Campeonato Brasileiro. O confronto, válido pela 17ª rodada, será no Estádio Nilton Santos.

Botafogo vai poupar Gatito (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

A preocupação com Gatito aumenta porque recentemente o jogador se recuperou de um edema ósseo no joelho. Ele não defende o Glorioso desde o empate com o Vasco na partida de volta da quarta fase da Copa do Brasil, em 23 de setembro.

Leia também:

Publicidade

Presidente do Botafogo sofre pressão para mudar a preparação física
Recomeço! Cícero ganha pontos com Bruno Lazaroni no Botafogo

Mesmo sem ter cumprido todas as etapas da recuperação, Gatito foi convocado e atuou 90 minutos na partida contra o Peru, na semana passada. Com dores, ficou no banco contra a Venezuela na última terça.

Diego Cavalieri segue na equipe

Cavalieri permanece como titular (Foto: Vitor Silva/ Botafogo)

Diego Cavalieri deve continuar a defender a meta alvinegra. Já o zagueiro Marcelo Benevenuto e o volante Rafael Forster retornam ao time após cumprirem suspensão.

Publicidade

Salários a caminho: Nesta quinta-feira foi liberado pelo Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro liberou o alvará para o desbloqueio da verba destinada ao pagamento de salários do Botafogo, em resposta à ação movida pelo Sindeclubes. A informação foi divulgada pelo repórter Thiago Veras, da “Rádio Tupi”. Com os recursos disponíveis, o Botafogo planeja pagar a folha de setembro de jogadores e funcionários até segunda-feira.