Publicidade

O Botafogo, mais uma vez, vai precisar trocar o pneu com o carro andando, uma expressão já usada pelo técnico Marcelo Chamusca. É o que o clube vendeu o lateral-esquerdo PV, até então titular absoluto, para o Internacional. Desta maneira, o comandante tem de resolver a questão rapidamente, no decorrer da Série B.

Contra o Sampaio Corrêa, no fim de semana, Guilherme Santos foi o titular. Ele é lateral-esquerdo, mas, versátil, vinha sendo utilizado no meio de campo.

Guilherme Santos Botafogo Guilherme Santos assume o posto | Foto: Vitor Silva / Botafogo / Divulgação

– Em relação à situação do Paulo Victor, a gente tem boas opções para a posição. A ideia é a gente adaptar. Claro que o Paulo Victor estava muito adaptado, bem encaixado na mecânica da equipe. Quando você troca, são características um pouco diferente e isso requer um tempo para o atleta ter melhor adaptação. Tenho certeza de que no próximo jogo o Guilherme vai estar melhor adaptado e vai nos proporcionar mais qualidade pelo setor – analisou Chamusca.

Relacionadas

Botafogo prioriza solução interna

Publicidade

O técnico descarta, no momento, ir ao mercado da bola em busca de um nome para o setor. Além de Guilherme Santos, o clube conta com Rafael Carioca. Outra possibilidade é o jovem Hugo, da base.

MAIS! Gatito posta vídeo e anima torcedores do Botafogo

– É inegável que perder um atleta pesa na mecânica da equipe, mas não gosto de ficar lamentando pelo atleta que saiu. Eu tenho de valorizar o atleta que hoje tenho na posição. Vamos tentar adaptar o máximo possível, com a maior velocidade possível, o Guilherme na posição. Tem o Rafael Carioca, o próprio Hugo que seria opção também. O trabalho do treinador é buscar as soluções e adaptar o mais rapidamente possível. Tenho de confiar naqueles que, hoje, a gente tem como opção no elenco. Em relação à contratação de lateral-esquerdo, não é um planejamento nosso no momento, não – acrescentou.

Publicidade

MAIS! PV se despede do Botafogo: ‘Amor eterno por este clube’

Além de adaptar rapidamente, o Botafogo precisa voltar a vencer com urgência. O Fogão vem de duas derrotas seguidas na Série B e, com um jogo a menos, caiu para a décima colocação do torneio.

Na próxima rodada, o Fogão recebe o Vitória, nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília). O jogo será disputado no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. O Estádio Nilton Santos está cedido à Conmebol para a Copa América.

Comentários