Publicidade

A identificação com o Botafogo foi um fator importante para Eduardo Barroca aceitar o convite para voltar ao clube. Apresentado neste sábado, o técnico destacou a ligação afetiva com o Glorioso. Barroca teve a primeira chance na categoria profissional justamente no Fogão, em 2019, depois de se destacar nas categorias de base.

Barroca Botafogo Barroca está de volta ao Botafogo | Foto: Botafogo / Divulgação

“Estou muito feliz com a oportunidade de estar aqui mais uma vez. Todos sabem que a minha ligação com o Botafogo nunca foi e nunca será apenas profissional. Existe uma ligação afetiva muito forte. Aproveito para fazer um agradecimento especial a Paulo Carneiro, presidente do Vitória, sobre minha escolha para ter vindo ao Botafogo. Desejo sucesso ao Vitória”, declarou Barroca.

LEIA MAIS! Barroca não se aprofunda sobre ‘caso Honda’, mas diz: ‘Conto com todos’

Publicidade

O técnico fez sucesso nas categorias de base do Botafogo – foi campeão brasileiro sub-20. Depois, foi para a base do Corinthians e retornou ao Fogão, em 2019, para o time profissional. Barroca ainda tem passagens pelo Atlético-GO, Coritiba e Vitória.

Barroca mostra confiança no Botafogo

O objetivo de Barroca no retorno ao Botafogo é claro: tirar o time da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O Fogão é o 19º colocado, com apenas 20 pontos. O técnico sabe da responsabilidade que tem.

LEIA MAIS! Filho de Ramón Díaz dá outra versão e esquenta polêmica no Botafogo

Publicidade

“Agora, à frente do Botafogo, assumo a responsabilidade frontalmente diante de todos os torcedores para que junto de toda equipe de trabalho, toda equipe funcional, com a direção e, principalmente, junto dos jogadores, para que a gente possa mudar a situação adversa que vivemos no momento. Para que a gente possa atingir nosso objetivo de permanência na Série A do Campeonato Brasileiro. Para que a gente possa planejar um 2021 mais cristalino do que esse 2020”, acrescentou Barroca.

MAIS! Felipe Neto, Moreira Salles… presidente quer ‘reunir dinheiro’ no Botafogo

Barroca lista motivos para acreditar

O técnico está otimista em tirar o Botafogo do Z-4. Barroca relembrou jogos em que o Fogão foi castigado e deixou escapar pontos importantes.

Publicidade

“Posso elencar uma série de elementos que me fazem acreditar. O primeiro deles é a instituição que eu estou, o tamanho dela, a crença que tenho. Posso elencar que, em diversos jogos, e eu posso citar rapidamente o jogo contra o Flamengo que estávamos ganhando e sofremos um gol na última bola. Jogo contra o Corinthians, em que jogamos muito melhor e sofremos um gol no fim. O jogo contra o Goiás, que empatamos jogando muito bem e criando diversas oportunidades de gol. Só aí estou falando de seis pontos que ficaram no meio do caminho. Era para o Botafogo ter vencido e que terminou empatado”, detalhou Barroca, que também fez questão de elogiar o elenco:

“Posso elencar que temos jogadores de Copa do Mundo. Jogadores do nível de Diego Cavalieri, Marcinho que estava há pouquíssimo tempo na Seleção Brasileira principal. Temos jogadores que foram campeões brasileiro e de tudo que disputamos na base. Minha crença no objetivo alcançado está pautada em cima de confiança. Jogadores do Botafogo vão ter isso do seu treinador.”

Barroca terá uma semana de treinos até a estreia pelo Botafogo. O Fogão vai enfrentar o Flamengo, sábado, dia 5, às 17h, no Estádio Nilton Santos.