Publicidade

O ex-presidente do Botafogo Carlos Eduardo Pereira não deixou passar batido uma polêmica envolvendo seu nome no clube. Ele tratou de se defender da situação envolvendo o aluguel do Shopping Casa & Gourmet, que funciona na sede de General Severiano.

Uma polêmica surgiu no Botafogo nesta terça-feira sobre os valores que o clube arrecada pelo aluguel do Shopping Casa & Gourmet. O imóvel que fica ao lado da sede de General Severiano, na Zona Sul do Rio de Janeiro, rende apenas 25 mil Reais mensais ao Alvinegro.

CEP não deixou polêmica passar batida (Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Segundo o colunista Lauro Jardim, de “O Globo”, o clube estaria movendo ação na Justiça não só para reajustar o valor do aluguel como para cobrar retroativos. A diretoria fechou o contrato em 1993. Na época quem assinou foi o ex-presidente Carlos Eduardo Pereira, que ocupava o cargo de VP administrativo.

MAIS! Do lixo ao luxo… a lateral direita do Botafogo

Publicidade

O ex-dirigente, entretanto, não demorou a se manifestar e denunciar o que chamou de intriga política.

– A negociação do Botafogo para volta a General Severiano com um shopping nada tem de enrolada. O clube não tinha dinheiro e nem crédito para construir sua sede nova sem um parceiro que explorasse seu subsolo – afirmou Carlos Eduardo Pereira através de nota.

Relacionadas

– Havia uma ampla Comissão do Conselho Deliberativo, juntamente com o Conselho Fiscal presente em todas as negociações. Como sou Executivo da PRÓ-MALL Shoppings desde 1991, apresentei algumas empresas de alto padrão do mercado, que tivessem condições de entregar a sede ao Botafogo antes do Shopping. O clube jamais pagou comissão a quem quer que fosse. Todas as negociações e contratos foram amplamente debatidas e votadas pelos Poderes do Botafogo – continuou.

Dirigente revelou custo da obra

Publicidade

Segundo o ex-presidente, a obra gastou 5 milhões de dólares e a empresa passou a pagar alugueis quando o shopping foi inaugurado.

– Mas a verdade é que ele nunca se consolidou, com trocas de nomes e propósitos. Este tema é apenas mais uma intriga política do qual sou vítima – concluiu Carlos Eduardo Pereira.

Ainda segundo o Blog de Lauro Jardim, o Botafogo quer cobrar alugueis de 750 mil Reais mensais. Mas o cenário de creise pode dificultar a situação. Entretanto o preço do aluguel no Rio de Janeiro vem em crescimento. Além disso existem muitos imóveis comerciais vazios.

Comentários